publico-adwords publico-face

Campos do Jordão, 17 de julho de 2019.

fev
19
2019

Cineclube Araucária abre sua agenda 2019 com Grito de Carnaval

por: - Atualizado: 19/02/2019 15:50
O  Cineclube Araucária abre sua agenda de 2019, no último final de semana de fevereiro, como uma programação que homenageia a maior festa popular brasileira, o Carnaval. A programação começa no dia 21/02, quinta-feira, às 19h30, com o filme “Trinta … Continua

O  Cineclube Araucária abre sua agenda de 2019, no último final de semana de fevereiro, como uma programação que homenageia a maior festa popular brasileira, o Carnaval.

A programação começa no dia 21/02, quinta-feira, às 19h30, com o filme “Trinta (Brasil,  2014 – 112 min) com direção de  Paulo Machine, o filme é uma cinebiografia de um dos ícones do Carnaval na Sapucaí, Joãosinho Trinta. Estrelado por Matheus Nachtergaele, conta o percurso do artista que desembarca no Rio de Janeiro, em 1960 deixando sua terra natal, no Maranhão, a fim de se tornar bailarino no Theatro Municipal até 1974, quando se tornar carnavalesco no Acadêmicos do Salgueiro, mostrando do anonimato ao esplendor do sucesso, da sua amizade e o rompimento com o cenógrafo e carnavalesco Fernando Pamplona, interpretado por Paulo Tiefenthaler; o preconceito sofrido dentro da própria família e a inveja despertada no barracão. O filme tem classificação etária 12 anos.

Na sexta-feira, a sessão será dupla, com o filme O Final do Rio (Reino Unido, 1947 – 80 min), a partir das 18h. O filme dirigido por Derek Twist, traz no seu elenco Bibi Ferreira e Sabu para contar a história de jovem Manoel que é separado de sua família e encaminhado para um campo de escravos comandado por Cypriano Dantos. Lá se apaixona por Teresa, com que se casa e começam a trabalhar num barco a vapor, por onde passam por boas aventuras, até que Manoel começa a trabalhar nas docas e levado ao tribunal após uma luta que resulta na morte de um homem branco. O filme tem classificação etária 10 anos, é uma homenagem a uma das divas da arte de interpretar brasileira, recém-falecida.

Logo mais, às 19h30, o público poderá conferir Carnaval Atlântida (Brasil, 1952 – 90), com direção de José Carlos Burle e Carlos Manga. Revivendo todo o esplendor de Atlântida, o filme traz Oscarito no papel de Xenofonte, um  sisudo professor de mitologia grega que é contratado pelo produtor Cecílio B. do Milho para ser consultor da adaptação do clássico “Helena de Tróia”. Porém, dois malandro Piro (Colé) e Miro (Grande Otelo), são contratados para faxineiro do estúdio, porém sonham em transformar o épico filme numa verdadeira comédia carnavalesca. O filme tem classificação etária 10 anos.

Já no sábado (23/02), às 19h30, a atração será Cartola: Música para os Olhos (Brasil, 2006 – 85 min).  Com uma linguagem de documentário os diretores Lírio Ferreira e Hilton Lacerda trazem imagens e depoimentos de amigos e colaboradores para trazer o perfil,  história de vida e obra de Agenor de Oliveira, popularmente conhecido como Cartola, grande ícone nacional do samba e um dos maiores compositores da música brasileira. O filme tem classificação etária 10 anos.

No domingo fechando a folia cinematográfica, o público não podem perder Tudo Azul (Brasil, 1952 – 80 min), um filme de Moacyr Fenelon. Luís Delfino dá vida a Ananias, um compositor frustrado que trabalha em uma empresa de seguros. Após demitido e com esposa e 4 filhos, ele tentará um suicídio tomando uma dose de barbitúricos. No entanto, entra em um novo universo, no qual ele é promovido a presidência da empresa e, suas músicas começam a ser gravadas, fazendo sucesso, além de ter seu amor secreto correspondido pela secretária do presidente. O filme tem classificação Livre.

Mas antes, na sessão da matinê, às 15h, a criançada não pode deixar de conferir a animação “Deu a Louca na Chapeuzinho” (Estados Unidos,  2005 – 80 min), que tem a direção de Cory Edwards e Todd Edwards, que trazem para essa divertida aventura a história do sumiço de um livro de receitas, que deixará toda a floresta encantada em polvorosa. Os suspeitos deste crime são Chapeuzinho Vermelho, o Lobo Mau, o Lenhador e a Vovó, mas cada um deles conta uma história diferente sobre o ocorrido, restando para o inspector Nick Pirueta a missão de desvendar esse caso. O filme tem classificação Livre.

A programação do Cineclube Araucária acontece no Espaço Cultural Dr. Além (antigo Cine Glória), com entrada franca, com apoio da AME Campos, Campos do Jordão e Região Convention Visitors & Bureau, Natureza Maluca, Papelaria Arco Íris e Prefeitura Municipal de Campos do Jordão.

Serviço:

Festival Carnaval Cinematográfico (Cineclube Araucária)
Local: Espaço Cultural Dr. Além (Av. Dr. Januário Miraglia, 1582 – Abernéssia)
Entrada: Gratuita
Informações: www.cineclubearaucaria.org