publico-adwords publico-face

Campos do Jordão, 18 de outubro de 2017.

jul
14
2015

Férias de Inverno em Campos do Jordão tem atividades no Museu Felícia Leirner

por: - Atualizado: 14/07/2015 00:00
Espaço realiza eventos gratuitos para toda família no mês de julho

Férias de Inverno em Campos do JordãoAs férias de inverno são ainda mais divertidas em Campos do Jordão.

Além das baixas temperaturas e das atrações do Festival de Inverno, a cidade também oferece oficinas culturais no Museu Felícia Leirner.

A atividades diárias são voltadas para o público de todas as idades e tem entrada gratuita.

Na programação estão temas como: alimentação saudável, sustentabilidade, música, jardins urbanos, artes e brincadeiras.

Aproveite as férias de inverno em Campos do Jordão e desperte sua criatividade na montanha.

Endereço: Av. Dr. Luis Arrobas Martins, nº 1.880 – Campos do Jordão
Mais informações: (12) 3662-6000

O participante pode optar por contribuir com a doação de mantimentos e agasalhos, que serão encaminhados instituições assistenciais.

Veja a programação:

Dias 14, 21 e 28 de julho de 2015
“Oficina Culinária Criativa: Cozinhando ao Som das 4 Estações de Vivaldi”
Em homenagem ao Festival de inverno 2015 a Oficina “Culinária Criativa: Cozinhando ao Som das 4 Estações de Vivaldi”, será conduzida pela equipe da “Comida com Vida”, onde ensinarão a criançada a comer melhor e de forma mais saudável! Serão aulas práticas e divertidas, baseadas nas composições de Vivaldi que abordam temas referentes às 4 estações do ano – Primavera, Verão, Outono e Inverno. Com o auxílio da música, o objetivo é estimular o desenvolvimento do paladar e o prazer pela boa alimentação, explorando a criatividade na preparação de alimentos com diferentes cores, formatos, texturas e combinações.
Horário: das 14h às 17h
Vagas: 30 crianças por oficina (+ acompanhantes para crianças menores de 6 anos)

Dia 22 de julho de 2015
“Oficina de Mandalas de Tampas”
A “Oficina Mandalas de Tampas” será desenvolvida pela educadora Ana Carolina Nascimento dos Santos e propõe a criação de mandalas coloridas reutilizando tampas e tampinhas descartáveis. A ação valoriza a sustentabilidade e os cuidados com o meio ambiente e estimula a criatividade através de atividades práticas e artísticas.
Horário: das 15h às 16h30
Vagas: 25 por oficina

Dias 16, 23 e 30 de julho de 2015
“Dançando a Natureza”
Vivência de dança e movimento consciente conduzida pela dançarina Rizzi Tani, com o intuito de proporcionar reflexão sobre os elementos e sua expressão corporal. Em cada encontro, um elemento da natureza conduzirá a vivência: água, ar, terra e fogo.
Horário: das 10h às 11h30
Vagas: 30 pessoas

Dias 17, 24 e 31 de julho de 2015
“Vivência Musical: Uma Experiência de Ritmo e Presença”
Na vivência integrativa, conduzida pelo músico Daniel Moray, diferentes técnicas se fundirão de maneira “orgânica” trazendo, através do ritmo, divertidas descobertas e senso de unidade de grupo. Aberta ao público em geral, mesmo sem conhecimento musical prévio, trata-se de um convite para além da prática musical: os participantes irão explorar o movimento, o ritmo e a espontaneidade, expandindo o contato consigo mesmos, com os outros e com o pulsar da vida.
Horário: das 15h às 16h30
Vagas: 30 pessoas

Dia 12 de julho de 2015
“Oficina de Diários Visuais”
Os participantes aprenderão com a artista plástica Monica Belda o passo a passo da criação de um “Diário Visual” para poderem criar os seus próprios materiais. A atividade promete ser muito divertida e fará o visitante usar toda a sua criatividade.
Horário: das 10h às 11h30 e das 15h às 16h30
Vagas: 15 pessoas por atividade

Dia 15 de julho de 2015
“Oficina Plantio de Pequenos Jardins Urbanos”
A “Oficina Plantio de Pequenos Jardins Urbanos”, que será conduzida pelo ecoeducador Cláudio Spinola, oferecerá dicas ecológicas inteligentes e criativas para o melhor aproveitamento dos quintais, que muitas vezes se encontram com pouca vitalidade e variedade de espécies vegetais e animais. A ação tem o intuito de oferecer soluções socioambientais e incentivar práticas sustentáveis cotidianas, estimulando os participantes atuarem em suas próprias realidades.
Horário: das 15h às 16h30
Vagas: 30 pessoas

Dia 18 de julho de 2015
“Oficina de Artes Visuais – Frotagem”
Frotagem é a imagem obtida pela fricção de lápis ou giz num papel sobreposto a uma textura. A técnica permite registrar rapidamente formas e tramas encontradas num espaço arquitetônico e combiná-las, construindo assim novas imagens. A atividade será conduzida pelo artista e educador Anderson Cavalcante Rei e irá utilizar este procedimento para proporcionar o contato visual, tátil e simbólico entre os participantes e o espaço.
Horário: das 10h às 11h30 e das 15h às 16h30
Vagas: 15 crianças + acompanhantes por oficina

Dia 19 de julho de 2015
“Corte, Recorte e Serigrafe”
A atividade lúdica “Corte, Recorte e Serigrafe” foi elaborada pelo artista e educador Anderson Cavalcante Rei. Os participantes serão estimulados a trabalhar em ação colaborativa entre crianças e adultos, criando diferentes personagens pelo recorte direto de pedaços de papel que, adequadamente posicionados na tela de serigrafia, proporcionarão impressões em papel. O objetivo é apreender os fundamentos da técnica de serigrafia, compreendendo a possibilidade da multiplicação de imagens, além de ampliar o repertório visual dos participantes.
Horário: das 10h às 11h30 e das 15h às 16h30
Vagas: 15 crianças + acompanhantes por oficina

Dias 25 e 26 de julho de 2015
“Oficina de Brinquedos Ópticos”
Na oficina conduzida pelo artista e educador Matheus Giavarotti, os participantes terão a oportunidade de conhecer e construir alguns brinquedos ópticos que contribuíram para o desenvolvimento do cinema e da ilusão de movimento. Poderão ser construídos taumatrópios, folioscópios e flipbooks. O objetivo é proporcionar diversão aos participantes.
Horário: das 10h às 11h30 e das 15h às 16h30
Vagas: 20 crianças + acompanhantes por oficina

Dia 29 de julho de 2015
“Alimentação Ecológica”
A oficina “Alimentação Ecológica”, conduzida pela ecoeducadora Ana Paula Silva, irá promover reflexões sobre a sustentabilidade e alimentação, incluindo noções sobre produção, consumo e impactos gerados pela utilização de agrotóxicos na natureza e na saúde humana.  Na parte prática, os participantes vão aprender a fazer e degustar um “bolo vivo” com ingredientes 100% naturais e saudáveis, sem açúcar, glúten, gorduras saturadas e cozimento. Uma receita deliciosa que surpreende e encantará os paladares.
Horário: das 15h às 16h30
Vagas: 30 pessoas