publico-adwords publico-face

Campos do Jordão, 18 de janeiro de 2017.

ago
29
2006

Festival dos Mellos 2006 traz debates filosóficos e apresentações artísticas

por: - Atualizado: 29/08/2006 11:33
Entre os dias 15 a 17 de setembro acontece o Fest Mellos, um evento multicultural que reúne alguns dos mais importantes pensadores do país em embates filosóficos e atrações artísticas de música, exposições, oficinas, dança, teatro entre outros.

Entre os dias 15 a 17 de setembro acontece o Fest Mellos, um evento multicultural que reúne alguns dos mais importantes pensadores do país em debates filosóficos, eofereceainda apresentações musicais, de dança, exposições, oficinas de arte e teatro. As atrações e discussões são abertas ao público e gratuitas

Uma das finalidades do evento é integrar a população local com os turistas de forma saudável através da cultura, valorizando as belezas naturais da região e promovendo aindauma ponte entre o rural e o urbano, o erudito e o popular.


Pensadores e intelectuais como o psicanalista Contardo Calligaris e a ex-ministra Dorotéah Werneck entre empresários, filósofos, escritores e economistas já confirmaram presença. Estão confirmadas também a Banda Mantiqueira – considerada a maior banda de música instrumental brasileira -e o grupo de circo Pia Faus, bem como músicos, corais, e cias de dança ede teatro.

O evento acontece no Bairro dos Mellos, uma área rural de Campos do Jordão, e visa unir ainda as cidades próximas de Santo Antonio do Pinhal e São Bento do Sapucaí.

Aproveitando-se o clima bucólico da região, as apresentações artísticas e as discussões acontecem em locais inusitados e naturalmente simples como a beira de um lago, próximoao fogão de lenha, dentro de uma estufa, na parada do trem, na igreja etc.

Na edição de 2005 o festival contou com a presença de personalidades como o político Eduardo Suplicy; e deícones da dança como o Ballet Stagium. Nos debates circularam principalmente assuntos político-sociais e culturais.

Em 2006 o tema é quase uma provocação “A gente queremos o que?“, uma forma simples e provocativa para encontrar respostas nas mais freqüentes questões brasileiras. A programação ainda está sendo definida.

Haverá neste ano ainda a pré-estréia do filme “O maior amor do mundo”, de Cacá Diegues, que conta com as participações de José Wilker, Taís Araújo, Sérgio Britto, Marco Ricca, Stepan Nercessian e Hugo Carvana.

O Fest Mellos é Idealizado e organizado pela Fundação Semco, do empresário Ricardo Semler, que promove na região um projeto de auto-sustentação que pretende provar que é possível criar uma micro região de primeiro mundo no Brasil, adaptando-se as condições.


Mais Informações:
(11) 5683 8129
(11) 5683 8132

Confira a Programação:

Conversas


Sexta-feira

QUEREMOS SOBREVIVER!

Raquel Villares, jornalista, fundadora do Arraial, entidade que estuda e maneja soluções sócio-ambientais. Gilberto Câmara, diretor do INPE, atuou no monitoramento do desmatamento da Amazônia. Felipe Andrade, mestrando em Direito das Relações Sociais com ênfase em Direito Ambiental pela PUC-SP.

16:30 -17:30 | BAIRRO DOS MELLOS | Estufa (2)

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL SEM BLÁBLÁBLÁ

Comandada pelo Compositor Paulo Tiné, a orquestra formada por 18 músicos toca de Tom Jobim a Hermeto Paschoal

18:00 – 19:00 | BAIRRO DOS MELLOS | Estufa (2)

Sábado

BRASIL – HÁ ALGUMA RAZÃO PARA SERMOS OTIMISTAS?

Gustavo Franco, Economista, ex-presidente do Banco Central. Integrou o grupo de economistas responsáveis pela criação do Plano Real, em 1994. Luciano Coutinho, Economista, ex-secretário geral do Ministério da Ciência e Tecnologia. Atualmente dirige a LCA Consultores.

10:00 – 11:15 | BAIRRO DOS MELLOS | Estufa (2)

QUANTO DE DINHEIRO E RELIGIÃO HÁ NA FELICIDADE?

Dorothéa Werneck, Economista, ex-ministra da Indústria, Comércio e Turismo. Monja Coen, Missionária oficial da tradição Soto Shu – Zen Budismo.

11:30 – 12:45 | BAIRRO DOS MELLOS | D. Fortunata (4)

NÃO ESTUDAMOS PORQUE NÃO TEMOS DINHEIRO OU NÃO TEMOS DINHEIRO PORQUE NÃO ESTUDAMOS?

Jorge Werthein, Ph.D em educação e desenvolvimento pela Universidade de Stanford (EUA). É o representante da Unesco no Brasil. Fernando José de Almeida, Doutor em Filosofia da Educação. Já atuou como Secretário Municipal de Educação. Danilo Santos de Miranda, Formado em Filosofia, Ciências Sociais e Administração, atualmente é Diretor do SESC no Estado de São Paulo. Deborah Santos Soares da Silva, professora da rede pública, estudou sozinha através de telecurso e conseguiu ingressar na USP.

11:30 – 12:45 | BAIRRO DOS MELLOS | Estufa

MANIA DE SER FELIZ: O BRASILEIRO É UM BICHO ESTRANHO?

Boris Fausto, Escritor, Professor do Departamento de Ciências Sociais da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP e integrante da Academia Brasileira de Ciências.

Antônio Joaquim de Abreu, Ex-dominicano, especializado em acupuntura, leciona atualmente em escolas do interior.

13:00 – 14:00 | BAIRRO DOS MELLOS | D. Fortunata

O AFETO COMO IDEOLOGIA NACIONAL: O QUE ESPERAMOS DO AMOR? (a conversa antecede a estréia do novo filme de Cacá Diegues)

Cacá Diegues, Formado em Direito é um dos principais diretores de cinema do país. José Ernesto Bologna, Pós-graduado em Psicologia, consultor em Psicologia do Desenvolvimento, aplicada à Administração e à Educação. Vânia Neves, Dona da loja de artigos eróticos Via Sexy, realiza cursos de auto-estima feminina.

18:30 – 19:30 | BAIRRO DOS MELLOS | Estufa

Domingo

A GENTE NÃO QUER ENVELHECER

Alexandre Kalache, Médico, chefe do Departamento do Programa de Envelhecimento e Saúde da Organização Mundial de Saúde (OMS) em Genebra, Suíça.

Verônica Tariki, Médica da Sociedade Brasileira de Dermatologia e presidente da Sociedade Científica Brasileira de Mesoterapia.

09:30 – 10:30 | BAIRRO DOS MELLOS | D. Fortunata (4)

A CIDADE POSSÍVEL – QUAL É A DE SEUS SONHOS?

João Pedro Stédile, Economista de formação, militante e um dos fundadores do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra.

Luiz Hafers, Empresário, ex-presidente da Sociedade Rural Brasileira.

10:30 – 11:45 | BAIRRO DOS MELLOS | Casa Centenária (7)

DE QUE COR QUEREMOS SER?

Peter Fry, Vice-presidente da Associação Brasileira de Antropologia, pesquisador de umbanda, política, religiões africanas, relações raciais e línguas africanas no Brasil.

Ivan Siqueira, Doutorando em Letras-USP, Mestre em Teoria Literária e Semiótica-USP, especialista da questão racial e ativista do movimento negro.

10:30 – 11:45 | BAIRRO DOS MELLOS | Estufa (2)

EU QUERO MAIS! POR QUE O QUE TEMOS NUNCA BASTA?

Contardo Calligaris, Psicanalista e ensaísta versátil que se dedica a pensar o Brasil. Gilberto Brant, Publicitário, sócio da agência de propaganda Pitti & Brant.

12:00 – 13:00 | BAIRRO DOS MELLOS | Casa Centenária (7)

Oficinas

Sexta-feira

OFICINA DE GRAVURAS DE ROBERTO GYARFI – Início

O conceituado mestre impressor ministrará uma oficina livre utilizando-se da técnica da xilogravura, dando continuidade ao trabalho de arte pública “Epopéia Paulista” de Maria Bonomi.

16:00 | STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Teatro da Mata (Galpão)

Sábado

MEDITAÇÃO EM MOVIMENTO DAS 4 DIREÇÕES

Tradição milenar dentro da filosofia do Sufismo. São movimentos leves e constantes associados a uma respiração dirigida e esvaziamento dos pensamentos, acompanhados de uma melodia específica. Os exercícios são indicados para pessoas de qualquer idade.

08:30 – 09:15 | BAIRRO DOS MELLOS | Páteo da Igrejinha (1)

OFICINA DE GRAVURAS – ROBERTO GYARFI

09:00 | STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Teatro da Mata (Galpão) (9)

OFICINA “APRENDER A OBSERVAR” COM GUTO LACAZ – Início

Guto Lacaz é arquiteto, artista plástico e designer gráfico. Humor e surpresa são características de seu trabalho. Durante o festival, desenvolverá uma oficina em que, entre outras coisas, construirá pontos de observação da paisagem e recriará objetos urbanos.

09:00 | BAIRRO DOS MELLOS | Igrejinha (1)

OFICINA “CURTA DOS MELLOS”: NOEDICTEDSHORTCUTMOVIE

Projeto de filmagem de um curta metragem com a participação da comunidade, formação de grupos de figurino, direção de arte e fotografia, ministrado por Marko Brajovic, Teça Paes, Elena Stanic e Roni Hirsch.

09:00 | BAIRRO DOS MELLOS

OFICINA DE GASTRONOMIA COM O CHEF FRANCISCO PINHEIRO

A oficina do primeiro chef do Instituto Laurent misturará elementos regionais simples, como o frango caipira, com ingredientes da alta gastronomia.

15:00 – 16:30 | Empório dos Mellos (3)

Domingo

08:30 | MEDITAÇÃO DAS 4 DIREÇÕES

09:00 | ROBERTO GYARFI

09:00 | GUTO LACAZ

15:00 | FINALIZAÇÃO DO CURTA

Música

Sexta-feira

CORTEJO DE ABERTURA

Com a presença do Grupo Namakaca – artistas circenses e a Fanfarra de Sto. Antônio do Pinhal

14:00 -15:00 | SANTO ANTÔNIO DO PINHAL | Praça da Igreja (11)

em caso de chuva: Ginásio de esportes (10)

CERIMÔNIA

Hasteamento da bandeira do FestMellos com Violeiros dos Mellos

15:30 | BAIRRO DOS MELLOS | Páteo da Igrejinha (1)

TREM DA VIRAÇÃO: “LEVANTA A POEIRA”

Legítimos representantes do Vale do Paraíba, o grupo dançante com fortes influências de ritmos regionais e do folclore brasileiro tocará muita catira, maxixe, sambas rurais e baiões.

20:00-21:30 | STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Teatro da Mata (Galpão) (9)

TRIO SAPUCAÍ E CATIREIROS DA MANTIQUEIRA

Ao pé da fogueira, 1 sanfoneiro, 2 violeiros e um grupo de Catira mostrará um pouco desta dança que é uma espécie de sapateado brasileiro executado com “bate-pé” ao som de palmas e violas.

22:00 – 23:00 | BAIRRO DOS MELLOS | Laticínios (5)

Sábado

CORAL JOVEM DO ESTADO DE SÃO PAULO

Criado em 1979, este é o principal coral do Estado de São Paulo. Tem como finalidade contribuir na educação e desenvolvimento de seus estudantes de música erudita.

11:00 – 12:00 | STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Teatro da Mata (9)

REVISTA DO SAMBA

A música deste trio é resultado de uma pesquisa sobre o samba do bairro do Bixiga (SP), dos sambas feitos para o teatro e sambas de rua. O grupo apresenta belas composições próprias e grandes sucessos dos anos 20 aos 60.

14:00 – 15:00 | STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Teatro da Mata (9)

BANDA MANTIQUEIRA

Um dos mais respeitados conjuntos musicais do país, a Banda ganhou o prêmio TIM de música em 2006. A mistura de jazz com música popular brasileira em um formato de bigband já encantou milhares de pessoas em todos os cantos do mundo. Imperdível.

15:30 – 16:45 | STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Teatro da Mata (9)

CÉU

Com sua voz aveludada e encantadora, Céu é uma das revelações da música popular brasileira. A cantora e compositora parte da tradição brasileira para encontrar pitadas de hip hop, jazz, samba e o que mais vier.

21:30 – 22:30

BAIRRO DOS MELLOS | Laticínios (5)

DJ DOLORES + DJ FLAVIÃO + BIJARI

Dolores, sergipano radicado em Recife, mistura influências regionais em seus beats e bases programadas. É o vencedor do prêmio TIM 2006 na categoria música eletrônica.

Flavião com um repertório eclético e cheio de surpresas dá seqüência na festa com seu break-beat, electro, drum n’bass e algumas pitadas de música brasileira.

Bijari, conceituado coletivo de SP, apresenta sua arte multimídia nos palcos desta grande festa.

22:30 | BAIRRO DOS MELLOS | Laticínios (5)

Domingo

CORTEJO COM O BAQUE BOLADO ATÉ A CACHOEIRA

Além do Maracatu de Baque Virado e das danças e músicas de outras manifestações populares, o grupo apresenta peças musicais e coreografias próprias.

11:00 | SAÍDA: Campo do Lageado (8)

PIANISTA FERNANDO CALIXTO

O pianista é ganhador de vários prêmios, dos quais destacam-se: 1º Prêmio UnB de Música de Câmara e 3º Lugar no Concurso de Piano Grieg-Nepomuceno.

12:00 -13:00

BAIRRO DOS MELLOS | Haras Polana (12)

DAVI MORAES

Músico profissional desde os 16 anos, tem dois discos gravados. Já se apresentou ao lado de Marisa Monte, Caetano Veloso, Ivete Sangalo e seu pai, Moraes Moreira, entre outros.

18:00 -19:00

STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Teatro da Mata (9)

Dança

Sexta-feira

FANTA KONATÊ E TRUPE DJEMBEDON

Filha do mestre africano Famoudou Konatê, a dançarina Fanta uniu-se à trupe cujo trabalho é fruto de uma pesquisa de dois anos na África (Guiné). A proposta é vivenciar a música e a dança africana de forma lúdica e prazerosa.

19:00 – 20:00 | STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Teatro da Mata (9)

Sábado

CIA DE DANÇA MARIZE MATIAS – ALMA NEGRA

O grupo busca a diversidade de temas, cada qual inspirando a criação de uma nova proposta de movimentação, o que confere às obras uma riqueza coreográfica de infinitas possibilidades. “Alma Negra” é uma homenagem à herança africana recebida pela cultura brasileira.

12:00 – 13:00 | STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Teatro da Mata (9)

BALLET STAGIUM – “COISAS DO BRASIL”

Companhia que ensinou o brasileiro a ver um espetáculo de dança de maneira nova. Provou que a arte da dança é mais que um divertimento de privilegiados. “Coisas do Brasil” é uma revisão crítica à nossa sociedade, do descobrimento até os dias de hoje.

17:00 -18:00 | STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Teatro da Mata (9)

Domingo

PIC NIC NA CACHOEIRA COM O GRUPO MUNDU RODA – “CAVALO MARINHO”

Ao som de rabeca, bandola, bombos, bages e mineiros, músicos e brincantes representam a festa em homenagem aos Santos Reis do Oriente. A festa reúne uma série de personagens e evoluções coreográficas.

12:30 – 14:00 | STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Cachoeira do Lageado (6)

MILÁGRIMAS (COREOGRAFIA IVALDO BERTAZZO) – Trechos

O espetáculo de dança deste que é um dos mais renomados coreógrafos do mundo, mistura canto à capella sul-africano com a experiência de músicos brasileiros onde cada um revê a sua cultura no confronto com a outra.

17:00 – 18:00 | STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Teatro da Ma

Circo


Sexta-feira

GRUPO NAMAKACA

Mestres na arte do improviso, invadem a cena com o intuito de rir e fazer rir.

INTERVENÇÕES DURANTE TODO O FESTIVAL

Sábado

PIA FRAUS – BICHOS DO BRASIL

Depois de excursionar por 15 países, o grupo apresenta o espetáculo “Bichos do Brasil”. No espetáculo, onças, galinhas d’angola, jacarés, entre outros animais típicos da fauna brasileira estarão representados.

18:30 – 19:15 | STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Praça da Igreja (11)

Em caso de chuva: Ginásio de Esportes (10)

ACROBÁTICOS FRATELLI: “CIRCORRERIA”

Um dos grupos pioneiros na busca de uma forma contemporânea de se fazer circo, o grupo atua na área teatral, circense e cinematográfica.

19:30 – 20:30 | STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Praça da Igreja (11)

Domingo

CIRCO DE PANO

Num encontro com o circo como alternativa cênica, Luz Morena convida artistas que trazem propostas inteligentes, interessantes e inusitadas. Através do trabalho cenográfico em tecido o circo ganha a magia da transformação do espaço. Artistas convidados: Acrobáticos Fratelli, Bruno Rudolf, Célia Borges, Gabriela Bernardo, Linhas Aéreas, Namakaca, Os Burlescos e Ricardo Rodrigues.

15:00 – 16:30 | STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Ginásio de Esportes (10)

Cinema

Sexta-feira

ANIMAÇÃO DE EL GUY

Para o designer gráfico El Guy desenhar é melhor que falar… No FestMellos ele apresentará uma de suas animações.

19:00 | BAIRRO DOS MELLOS | Empório (3)

Sábado

PRÉ-ESTRÉIA DO FILME: “O MAIOR AMOR DO MUNDO”

DE CACÁ DIEGUES (com a presença do diretor)

19h30 – 21h15 | BAIRRO DOS MELLOS | Empório (3)

  • em caso de chuva: Estufa (2)

Teatro de Bonecos


Sexta-feira

VALDECK DE GARANHUNS: “MAMULENGO NO FOLCLORE”

Um dos maiores mestres na arte do mamulengo e cordéis apresentará algumas de suas criações que unem música e personagens típicos.

16:00 – 16:30 | BAIRRO DOS MELLOS | Páteo da Igrejinha (1)

GRUPO CONTASONS – TEATRO DE VENTRÍLOCO

A contadeira de histórias Alejandra Pinel e sua boneca Marieta interpretam histórias típicas do cotidiano do povo, brincadeiras infantis e cantigas acompanhadas pelo violão de Rafael Cortez.

18:00 – 19:00 | STO. ANTÔNIO DO PINHAL | Teatro da Mata (9)

Sábado

TEATRO DE BONECOS

O mestre Valdeck de Garanhuns, com seu teatro de Maulengos, animará o almoço no Empório dos Mellos.

14:00 – 15:00 | BAIRRO DOS MELLOS | Empório (3)

Outros

EXPOSIÇÃO COM CAIO REISEWITZ

Único fotógrafo brasileiro a participar da 26ª Bienal de SP. Em 2005, participou da 51ª Bienal de Veneza, entre outras exposições. No Festival serão expostas obras inéditas.

DURANTE TODO O EVENTO | BAIRRO DOS MELLOS | Igrejinha (1)

FEIRA ORGÂNICA E ARTESANATO DA REGIÃO

DURANTE TODO O EVENTO | BAIRRO DOS MELLOS | Teatro da Mata (Galpão) (9)

Sábado e Domingo

10h00 – 12h00 | PASSEIO GUIADO DE BICICLETA NA REGIÃO

Domingo

CHICO PEDROSA

Um dos mais festejados poetas declamadores nordestinos. A sua obra é marcada pelo traço comum das histórias do povo e pela criatividade particular de um dos gênios da poesia matuta.

13:30 – 14:30 | BAIRRO DOS MELLOS | Páteo da Igrejinha (1)