publico-adwords publico-face

Campos do Jordão, 15 de dezembro de 2019.

ago
01
2019

Mais de R$ 130 milhões foram movimentados durante Festival de Inverno em Campos do Jordão

por: - Atualizado: 08/08/2019 16:53
O Festival de Inverno de Campos do Jordão promoveu apresentações musicais e ainda gerou R$ 131 milhões para a economia. Este foi um dos dados apresentados nesta terça, 30 de Julho, na Secretaria de Cultura e Economia Criativa de São … Continua

O Festival de Inverno de Campos do Jordão promoveu apresentações musicais e ainda gerou R$ 131 milhões para a economia.

Este foi um dos dados apresentados nesta terça, 30 de Julho, na Secretaria de Cultura e Economia Criativa de São Paulo.

Na ocasião, o Secretário Sérgio Sá Leitão recebeu a imprensa para mostrar os números da pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas sobre o impacto do Festival.

A pesquisa mostra ainda que no período do Festival, foram gerados 1.844 postos de trabalho e foram arrecadados R$ 17,4 milhões em impostos. 

Também participaram do evento o Secretário Estadual de Turismo Vinicius Lummertz, o Prefeito de Campos do Jordão Frederico Guidoni, o Diretor Executivo da Osesp Marcelo Lopes, o Diretor Executivo da Orquestra Jazz Sinfônica Antonio Ribeiro e o Gerente Executivo da FGV Luiz Gustavo Barbosa.

O números mostram que, a cada R$ 1 investido foram injetados R$ 16,7 na economia local. O que gerou R$ 3,16 em tributos, dos quais R$ 2,10 foram em impostos federais.

“O resultado nos surpreendeu. Acredito que sempre temos que trabalhar com estudos e dados objetivos, então, esse estudo é realmente muito significativo, não apenas pelos números que traz, mas porque também nos mostra dados gerenciais para que possamos aperfeiçoar a realização do Festival e a própria gestão da política cultural. Os dados justificam o investimento do poder público e toda a atenção e apoio que se dá à política pública de Cultura aqui no Estado de São Paulo”. Afirmou Leitão.

Para o Secretário Estadual de Turismo, a região é o maior destino de inverno brasileiro.

“O Festival de Campos do Jordão deste ano foi o maior de todos. Não houve nenhum investimento de recurso público e recebeu o maior número de pessoas, a maior taxa de ocupação hoteleira, além de um grande retorno econômico para vários setores. Também consolidou a Serra da Mantiqueira e região como maior destino turístico de inverno do Brasil. Isso é muito importante para a economia de São Paulo”, afirmou Vinicius Lummertz, Secretário.

Os números mostram que entre 29 de junho a 28 de julho a cidade de Campos do Jordão recebeu 674.932 visitantes, uma média de 134 mil por fim de semana. 

Destes, 34,6% afirmaram que o Festival de Inverno foi o principal motivo da viagem; 54,3% declararam ter sido uma das principais razões para visitarem a cidade; enquanto 11,1% declarou que o evento não influenciou a decisão.

Comparado com 2018, o número de visitantes é 6,7% maior que no mesmo período. E a taxa de ocupação hoteleira cresceu 10 pontos percentuais, de 85% em 2018 para 95% este ano.

O público de expectadores do Festival também bateu recorde. Foram 151 mil expectadores, que assistiram a 133 apresentações.

Já existem planos para que o Festival de Inverno fique ainda maior. O secretário Sérgio Sá Leitão disse que a próxima edição do Festival deve ter início ainda no mês de junho, durante o Feriado de Corpus Christi. E que cidades no entorno de Campos também devem receber atrações do Festival de Inverno.